Práticas para produzir conteúdos que engajam os membros da sua igreja

A equipe de comunicação da sua igreja precisa entender a importância de se dedicar para decidir maneiras novas e eficazes para melhorar o seu engajamento com os fiéis da igreja. E é necessário que a equipe saiba da importância do marketing digital como ferramenta para se posicionar como instituição no ambiente online.

A produção e a consolidação das mensagens através dos vários formatos disponíveis (fotos, vídeos, textos, infográficos, e-books, e-mails) são meios de aplicação do marketing que podem e devem ser usadas na comunicação da igreja, no entanto, é preciso saber quais conteúdos que funcionam com o seu público.

Somente através de um planejamento e uma definição de estratégias de conteúdos as iniciativas para alcançar as pessoas que irão se interessar pelo o que está sendo criado darão certo e impactará diretamente no esforço para produzi-lo.

Se preocupar apenas com o número de curtidas não é necessário pois os likes não revelam por si só uma atração importante.

Pessoas com o costume de curtir suas publicações não significa que estão engajadas com o conteúdo que você produz. A valorização para quem produz conteúdos está naquelas pessoas que se definem com ele, e que mantém a constância em procurá-lo, interagem e estão dispostas a defendê-lo.

Se suas curtidas não possuem nenhuma interação, talvez seja porque seus conteúdos não levem a os seus seguidores a esse objetivo ou seus seguidores não são exatamente o seu público alvo e estão recebendo mensagens que não os interessam.

Quando a igreja comunica através das mídias digitais significa que seu conteúdo está concorrendo com várias outras postagens pela atenção do fiel. Por esse motivo é fundamental entender o perfil e os gostos do seu público para que a mensagem seja mais atrativa.

Vemos muitas igrejas utilizando várias mídias sociais apenas como meio de informação. Mas é preciso que o ministério de comunicação lembre do seu objetivo básico e principal: criar relacionamento com o seu público. A equipe precisa saber elaborar conteúdos relevantes, evangelizadores que proporciona identificação, diálogo e interação com seu público.

Se você tem dificuldades em produzir conteúdos que agreguem valor a sua igreja e engaje seus membros, abaixo estão cinco dicas que podem te ajudar. Confira!

Não precisa se preocupar com as ordens das ideias no começo. 

O processo de produzir conteúdo não precisa necessariamente seguir a regra de ter um começo, meio e fim, de fato essa ordem confere a uma sequência que dará a ideia central da informação mas a princípio, não precisa seguir isso à risca.

Você pode desenvolver bons conteúdos, por exemplo, pensando no final da história, desde que tenha em mente a ideia central.

Produza conteúdos que gerem entretenimento

Crie conteúdos como fotos ou vídeos que as pessoas tendem a compartilhar bastante e se tornar virais, por exemplo, usar memes relacionados com a mensagem que você deseja passar pode ser um ótimo começo.

Transcreva ideias soltas e gere conteúdos que inspiram

Escreva tudo que vier à cabeça, do jeito que as ideias vão surgindo. Deixe a criatividade fluir mesmo que depois tenha que passar a limpo e organizá-las tirando ou colocando alguma parte ou palavra.

Esse exercício irá estimular a criatividade e é fundamental para se inspirar de maneira geral.

Os conteúdos podem ser frases motivacionais, testemunhos, depoimentos dos membros, devocionais, fotos e vídeos que reforcem a área da espiritualidade.

Produza conteúdos educacionais 

Como já citamos, mantenha em mente a ideia central  do conteúdo. Você pode estimular a criação de dicas, fazer vídeos e lives com formações na área espiritual como por exemplo, um estudo bíblico. Instigue a curiosidade levando o público a fazer perguntas referente a sua área de conhecimento e dê respostas.

Estimule diálogos

As pessoas gostam de receber atenção e serem ouvidas, peça sugestões aos seguidores, busque por opiniões, use recursos de enquetes, presentes no Instagram e Facebook. No caso de vídeos fique sempre atento aos comentários e sugestões, esteja sempre interagindo com que acompanha seu conteúdo.

Crie conexões

Seja você mesmo, nada melhor do que mostrar às pessoas o processo de criação (making off), demonstre o dia a dia na sua igreja, incentive a comunidade a ficar cada vez mais próxima mesmo que virtualmente. Isso reforçará a identidade da sua igreja com seu público.

Agora é hora de agir!

A princípio, vai parecer difícil seguir todas essas práticas, mas à medida que você for praticando esse fluxo produtivo acaba por acontecer naturalmente e fazendo mesmo parte do seu cotidiano.

Não deixe de acompanhar os resultados toda vez que as estratégias mudarem, para você e sua equipe de comunicação irem entendendo quais os caminhos darão mais certo.

Com essas práticas em seu planejamento de conteúdo, garantimos que a comunicação da sua igreja terá bons resultados e os engajamentos surgirão com a comunidade. 

Aqui no nosso blog temos outros posts que poderão auxiliar você a também como utilizar as mídias digitais para alcançar vidas e como criar conteúdos para a sua igreja.

Não se esqueça de compartilhar aqui com a gente os resultados!

Hilda Ribeiro
Hilda Ribeiro
Artigos: 143

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *